Os livros mais lidos da Biblioteca Pública de NY

os livros mais lidos da biblioteca publica de nova york

Reconhecida como uma das bibliotecas mais lindas do mundo, a Biblioteca Pública de Nova York concluiu uma pesquisa rara: listou os dez livros mais retirados de seu acervo.

Número 1

No topo do ranking, o livro mais lido pelos sócios da biblioteca desde sua abertura ao público em 1911, é uma história infantil.

o livro mais retirado da biblioteca pública de nova york

 

Escrito por Ezra Jack Keats, “The Snowy Day” foi publicado pela primeira vez em 1962 e conta a história de um garoto chamado Peter que observa a primeira queda de neve na cidade.

 

Número 2

O gato do chapéu

O segundo livro mais retirado da biblioteca também é um título infantil: “The Cat in the Hat” (“O Gato do Chapéu“, na tradução pra o português), escrito pelo famoso dr. Theodor Seuss Geisel e lançado em 1957.

 

A lista completa dos dez livros mais lidos da Biblioteca Pública de Nova York

1. “The Snowy Day” de Ezra Jack Keats (485.583 retiradas)
2. “The Cat in the Hat” de Dr. Seuss (469.650 retiradas)
3. “1984” de George Orwell (441.770 retiradas)
4. “Where the Wild Things Are” de Maurice Sendak (436.016 retiradas)
5. “To Kill a Mockingbird” de Harper Lee (422.912 retiradas)
6. “Charlotte’s Web” de E.B. White (337.948 retiradas)
7. “Fahrenheit 451” de Ray Bradbury (316.404 retiradas)
8. “How to Win Friends and Influence People” de Dale Carnegie (284.524 retiradas)
9. “Harry Potter and the Sorcerer’s Stone” de J.K. Rowling (231.022 retiradas)
10. “The Very Hungry Caterpillar” de Eric Carle (189.550 retiradas)

Por que os livros infantis são os mais procurados?

Segundo uma reportagem realizada pela CNN, o principal motivo porque os livros infantis são mais requisitados que qualquer outro gênero da biblioteca é simples: são histórias bem curtinhas. “Quanto menor o livro, mais rápida é a devolução e maior sua circulação”, esclarecido em nota oficial da biblioteca.

Já os livros adultos presentes na lista dos top 10 também são menores, como “1984” e “To Kill a Mockingbird” (O Sol é para todos). Outra influência para um livro ser retirado da biblioteca é a quantidade de traduções disponíveis do título, o tempo de publicação e sua repercussão no mundo.

Fotos: Reprodução

Posts Relacionados

Deixe um comentário