Introduzido na moda feminina por Yves Saint Laurent em 1966, o smoking ganha cada vez mais adeptas que procuram variar o look festa.

Mês passado, no tapete vermelho do WWD Honors de 2019, Emmy Rossum engrossou o time de outras tantas famosas que já adotaram o Smoking para inovar na produção de festa.

Assinado pela Giorgio Armani, o look de saia preta e camisa transparente branca foi uma releitura do traje clássico masculino – e nós adoramos!

 

Emmy Rossum

Emmy Rossum Smoking de saia

A história do smoking

. Foi criado por um alfaiate a pedido do príncipe de Gales, Eduardo VII, em 1860;
. Foi popularizado em 1886 por um corretor de café chamado James Brown Potter, que passou a usá-lo no clube novaiorquino Tuxedo Park. Daí o nome do traje – em inglês, “tuxedo”;
. Em 1930 uma faixa tomou o lugar do colete e novas interpretações de paletó surgiram, junto com a camisa Marcella, de frente semirrígida e pregueada. Este é o modelo clássico como conhecemos hoje;
. Apesar de ser o traje masculino mais formal da atualidade, foi idealizado para ser uma roupa casual;
. Foi criado a partir da adaptação preta do uniforme militar;
. Atualmente o traje completo inclui a casaca preta (paletó curto na frente com cauda longa e bipartida), calça preta com costura trançada, camisa branca engomada, gravata borboleta e colete.

a história do smoking

Le Smoking de Yves Saint Laurent

. Apresentado por Yves Saint Laurent pela primeira vez na coleção de Alta-Costura de inverno em 1966;
. Era inteiro preto e produzido com tecido de lã chamado grain de poudre;
. A coleção era a Pop Art Collection, que inovou com adaptações masculinas e vestidos coloridos inspirados na estética de Andy Warhol;
. Uma revolução na moda foi iniciada, com mulheres adotando o vestuário masculino e este tornando-se o símbolo da emancipação feminina;
. Este marco ficou registrado pela fotografia do Le Smoking, de Helmut Newton

Le Smoking de Yves Saint Laurent

O Smoking nos dias atuais

. Bianca Jagger, Lauren Bacall, Françoise Hardy, Liza Minelli e Catherine Deveuve foram as primeiras adeptas do Le Smoking logo após seu lançamento;
. Zendaya é uma das principais usuárias, já tendo usado reinterpretações do traje em mais de seis aparições diferentes nos últimos anos.

Zendaya de smoking

 

Fotos: Getty Images e reprodução

Posts Relacionados

Deixe um comentário