Cosmético orgânico, vegano ou clean beauty?

Orgânicos, veganos e clean beauty são algumas das relativamente novas categorias de cosméticos em ascensão que merecem a nossa atenção e um certo esclarecimento. Confundiu tudo? Esse post tá aqui pra explicar!

Você já deve ter percebido que no mercado de cosméticos alguns produtos são categorizados como orgânicos ou veganos. Talvez você também tenha notado um alerta de clean beauty em alguns rótulos. Mas e aí, qual a diferença entre cada um deles?

 

Cosméticos orgânicos

Os cosméticos convencionais – aqueles que não possuem nenhum certificado ambiental – possuem parabenos e derivados de petróleo em sua fórmula, elementos considerados nocivos ao meio ambiente e que podem representar perigo para a nossa saúde. O grande diferencial dos cosméticos orgânicos está no uso de matérias-primas livres de elementos sintéticos e cultivadas com princípios de sustentabilidade, além de não realizarem testes em animais.

 

Cosméticos veganos

Assim como na alimentação, os cosméticos veganos são aqueles livres de qualquer ingrediente derivado de animais. Nesse caso estamos falando da cera de abelha, sebo de carneiro, gelatina e outros. Obviamente o teste em animais está vetado nessa categoria, porém não existe a garantia de que todos os cosméticos veganos sejam 100% naturais -alguns podem ter ingredientes sintéticos em sua formulação. Esta tem sido a categoria em maior crescimento na indústria de cosméticos do mundo todo.

 

Clean Beauty

São os produtos que não possuem ingredientes tóxicos na fórmula, mesmo que ela contenha ingredientes sintéticos ou provenientes de animais. Na clean beauty não entram conservantes, formadores de espumas, parabenos, ftalatos e sulfatos.

 

 

Se a dúvida permanecer enquanto você escolhe os cosméticos nas prateleiras, os selos de certificados podem te ajudar a identificar a procedência de cada um.

Os selos de cosméticos orgânicos são fornecidos pelo Instituto Instituto Biodinâmico (IBD) e pelo Ecocert. Eles também podem apresentar o selo Cruelty Free, que indicam produtos livres de testes em animais.

 

 

Os veganos possuem um selo próprio emitido pela Sociedade Vegetariana Brasileira.

 

Já a clean beauty pode conter o selo de Cruelty Free para alertar a ausência de testes em animais, mas algumas lojas têm feito sua própria fiscalização. Na Sephora, por exemplo, os produtos Clean Beauty são verificados com o selo abaixo.

 

 

Fotos: Reprodução

Posts Relacionados

Deixe um comentário