As festividades de fim de ano estão só na metade do caminho, e agora, logo depois do Natal, nos preparamos para o Réveillon. Uma das tradições mais fortes no Brasil é comemorar a chegada de um novo ano vestindo uma roupa branca – mas sabe de onde saiu essa crença popular e qual seu significado?
A moda do branco na virada veio da África, onde foi instaurada pelos praticantes da religião Candomblé. Eles vestem a cor em sinal de purificação espiritual, e então vão às praias para fazer suas oferendas a Iemanjá e pedir sucesso no ano que se aproxima. Muito parecido com o que fazemos por aqui, não é? Esse lindo hábito, que inclui pular sete ondas e oferecer rosas vermelhas à Rainha do Mar, acabou se expandindo a outros continentes do mundo todo onde foi adaptado.
Além da conotação religiosa, vestir roupa branca na noite de Réveillon também está relacionado a um pedido de paz. Ou seja, são muitos bons motivos para usar essa cor, não é mesmo? Seja da cabeça aos pés ou em detalhes.

1. Blusa alvo. R$ 890 na Alcaçuz / 2. Saia Abel. R$ 1290 na Alcaçuz / 3. Blusa de tricô metalizado. R$ 89,90 na Forever 21 / 4. Blusa cropped de renda. R$ ​229,90 na TVZ / 5. Vestido de viscose e tela. R$ 798 na Shoulder / 6. Rasteira de couro sintético. R$ 149,90 na Regina Rios / 7. Sandália de couro com cristais. R$ 450 na Schutz

Fotos: Reprodução e Aline Prado

Da Redação