Semana passada os olhares dos fashionistas se voltam mais uma vez para Paris, onde aconteceu a semana de alta costura inverno 2017/18, e onde as últimas tendências se manifestaram – dentro e fora das passarelas. Se os desfiles apresentaram aquela moda conceitual nem sempre acessível, o street wear demonstrou que o estilo parisiense mantém seu fascínio e continua inspirando produções despojadas e ao mesmo tempo elegantes, tal qual a mulher francesa. Entretanto, segundo uma pesquisa realizada pelo site Vestiaire Collective, o gosto dos franceses tem sofrido alterações nos últimos tempos e alguns ícones do vestuário estão perdendo espaço para novas tendências. Confira abaixo as novas paixões dos franceses, segundo levantamento da Harper’s Bazaar UK, e aproveite para incorporar essas sugestões de estilo – afinal eles já provaram que entendem muito bem do assunto!

  • Camisetas listradas x camisetas com logotipo – As francesas finalmente se cansaram do mesmo visual e resolveram trocar as icônicas listras Breton por logos para estampar suas camisetas – que continuam a fazer par com o jeans, a mini e tudo mais que o look informal permitir.
  • Terninhos x silhuetas femininas – Os terninhos ajustados ao corpo estão cedendo espaço para produções mais femininas, com peças mais soltas e delicadas.
  • Calças skinny x corte reto – Depois da ditadura das skinnys, as mulheres francesas resolveram investir em novos cortes de jeans, como os de perna reta e os cropped flare – isso, as pantacourt jeans. O modelo vintage da Levi’s teve um aumento de vendas de 300% em relação ao passado.
  • Pretinho básico x vermelho – O vestidinho preto básico cede lugar à cores mais vibrantes, como o look todo vermelho, preferido da temporada.
  • Acessórios masculinos – Para equilibrar silhuetas mais femininas, nada melhor do que arrematar a produção com acessórios masculinos, como sapatos tipo mocassim e relógios grandes.

Foto: Reprodução

Regina Lemos é uma advogada apaixonada por moda e beleza. Ela é colaboradora assídua do Blog do MorumbiShopping.